Sphynx – O “gato pelado”

SPHYNX1

Conhecido por sua aparência e a aparente falta de pelo, o Sphynx é um gato desperta a curiosidade da maioria das pessoas. Afetuoso, atrevido, brincalhão e independente, o Sphynx nunca é agressivo e é sociável com os seus congêneres e com os cães. De exótico, só o físico: no fundo o Sphynx é um gatinho manhoso que adora ser mimado.

Origem
Os gatos “nus” ou gatos sem pelo surgiram em diversas partes do mundo em diferentes épocas, é sabido que, por exemplo, existiam gatos e cães sem pelagem no México pré-colombiano. Por volta de 1830 um biólogo alemão descreveu essa raça em seu livro “História Natural dos Mamíferos no Paraguai”, anos mais tarde, em 1902, J. Shinick de Alburquerque publicou um artigo com uma fotografia de dois gatos nus, contando que a raça estava prestes a desaparecer. A partir de então criadores americanos e europeus passaram a ter interesse pela raça. Em 1938, um professor francês descreve o gene responsável por gatos nus, mas é em 1966, no Canadá, que o gato Sphynx tem sua origem, quando uma gata domestica dá luz a um gato sem pelos. Desde sua origem o gato Sphynx atrai o mesmo nível de rejeição e carinho. Seu aspecto incomum acaba despertando sempre a atenção das pessoas.

SPHYNX2

Comportamento
Esperto, ativo e independente. Com o dono é um felino amável que adora ser mimado e pode até se apresentar um tanto possessivo. Leal e dedicado, o Sphynx é conhecido por muitos como um felino que faz questão de estar perto da pessoa a quem é afeiçoado, sendo comum vê-los dormindo debaixo das cobertas com seu dono. É sociável, inclusive com outros gatos e cachorros. De temperamento tranquilo e carinhoso, lida muito bem com crianças, sendo paciente com elas. Por se tratar de uma raça bastante sensível a variações climáticas o Sphynx é um gato que se adapta melhor a vida em apartamento, ficando protegido do frio, calor e umidade.
São curiosos e gostam de brincar, vão querer se exibir para visitas e para as pessoas que mais gosta. Seus dedos são como dedos humanos e usam bastante para brincar e descobrir o que desperta seu interesse. A raça passa a impressão de só funcionar no modo rápido, o que justifica sua grande necessidade de comida sem ganho de peso, ou no modo parado, procurando um cantinho confortável e quente para dormir sem ser incomodado.

Característica 
Trata-se de gato de tamanho médio, que pesa entre 3,5 e 7 kg. É musculoso com estrutura óssea média. Sua pele é enrugada, coberta por uma fina penugem e pelo esparso. A cabeça é media, com formato ligeiramente triangular, se apresentando angulosa e mais comprida do que larga. As orelhas do Sphynx são grandes, bastante largas na base com interior nu, mas uma leve penugem é permitida na parte posterior, se encontram inseridas afastadas. Seus olhos são grandes, inseridos bem afastados, a cor deve se apresentar de acordo com a cor da pelagem.

As patas anteriores são arqueadas e um pouco mais curtas do que as posteriores, os pés são médios, ovais e com dedos compridos. A cauda é de tamanho médio, é fina e pode apresentar um tufo em sua ponta. A pele parece ser nua, é enrugada e com textura que lembra um toque de camurça, sendo bem quente, a pelagem do gato Sphynx se encontra reduzida a uma espécie de penugem com poucos pelos espalhados por seu corpo. Todas as cores são permitidas, o branco se apresenta rosa e o preto é cinza-escuro.

Cuidados específicos
Por ser bastante sensível ao frio é indicado alimentar o Sphynx com ração energética na época de inverno, mantendo assim sua temperatura corporal um pouco mais elevada do que de costume. O banho não é aconselhável para a raça, mas sua pele deve ser limpa periodicamente, pois o gato Sphynx transpira através da pele. Banhos de sol não são muito indicados, mesmo com o uso de protetor solar para felinos, pois o gato pode acabar se queimando. As orelhas devem ser limpas para evitar o acumulo de cera. Por outro lado esse gato não precisa ser escovado.

Saúde
Apesar de toda a atenção exigida com sua pele e variações climáticas, o gato da raça Sphynx é um gato saudável com poucos problemas de saúde ou de origem genética.

Fonte: CachorroGato / Admax Pet / Royal Canin

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado


*